terça-feira, 3 de janeiro de 2012

Casa da Cultura pode estar ameaçada

Por James Davidson

Matéria publicada no blog Roberto Santos informa que o prefeito pode destruir o prédio da Casa da Cultura, antigo Mercado Público de Jaboatão, para as obras do binário. Veja matéria na íntegra:


Prédio histórico do Jaboatão centro pode ser derrubado por causa do Binário.




Um dos projetos que não foi aprovado no último dia do ano, tratava-se da desafetação dos seguintes prédios públicos, em Jaboatão Centro o antigo prédio onde já funcionou a Câmara dos Vereadores e um matadouro, para quem não lembra, estou postando a foto. Um segundo bem pública é a Maternidade Rita Barradas. Quero aqui levantar a seguinte questão, será que vale a pena derrubar parte da nossa historia com a justificativa do progresso? Será que não temos alternativas, dada às facilidades que a engenharia moderna dispõe hoje?
Segundo um dos vereadores que trabalhou para a não aprovação deste projeto, o assunto deve retornar em fevereiro.

Caso venha a se confirma, a ação será um verdadeiro crime contra a história e o povo de Jaboatão. Construído em 1904 para ser Mercado Público Municipal (veja história na íntegra aqui:http://jaboataodosguararapes.blogspot.com/2009/07/casa-da-cultura-antigo-mercado-publico.html) o prédio é protegido pela Legislação Urbanística básica de Jaboatão e pela lei de tombamento municipal. Apesar de ser um dos poucos edifícios de valor histórico que conseguiu sobreviver ao tempo e, principalmente, ao descaso dos governantes com nossa história, parece que não bastou aos nossos políticos a destruição de tantos outros como o Prédio do Relógio, a Casa da Viscondessa, o Palacete do Sesi, a Casa de Samuel Campelo, a Igreja do Rosário dos Pretos. Desde que a casa-grande do Engenho Megaype de Baixo foi dinamitada, em 1928, que o patrimônio de Jaboatão sofre com a falta de uma política de preservação e valorização da nossa cultura. Por que não citar os recentes casos de destruição como o Prédio da Coletedoria Federal, o Edifício Senzala e o tão polêmico Engenho São Bartolomeu? Quem não lembra do famoso Bar Redondo que certo prefeito demoliu dizendo estar melhorando o trânsito e, no final, acabou não fazendo diferença nenhuma! Mais uma vez um prédio histórico jaboatOnense irá desaparecer sob as mesmas alegações sem fundamentos. Afinal, quem conhece a localidade sabe muito bem que o edifício não irá atrapalhar o trânsito e, se o prefeito quer mais espaço, por que então alargou a calçada do Shopping Yapoatam? Fica aqui a nossa crítica e ficaremos de olho!

Um comentário:

Agente Franklin- www.setimaregional.com.br disse...

veículo de morador do Jaboatão dos Guararapes é encontrado com queixa de roubo na cidade de Picuí Paraíba, favor localizar dono: Flávio Silveira de Lima, morador da rua Frei Gaspar de Madre, 213.
http://www.setimaregional.com.br/2012/01/veiculo-utilizado-para-baderna-no.html